Notícias

Voltar

Palestra em Jornada Citrícola na Argentina

29.08.2019

A 38ª Jornada Citrícola Nacional, promovida no início de agosto em Concórdia, na Argentina, contou com a presença de dois representantes da área técnica da Cocamar, o gerente técnico Robson Ferreira e o engenheiro agrônomo Paulo Maraus, que foi um dos palestrantes.

ESTRATÉGIAS - Reunindo produtores, técnicos e estudantes, o evento analisou, entre os temas apresentados, Estratégias de Manejo do HLB (greening), com foco nas práticas adotadas pelos citricultores paranaenses.

PALESTRA - Em sua palestra, Paulo discorreu sobre a situação da doença no estado, o monitoramento e controle da praga vetora (psilídio), produção e distribuição de tamarixia radiata (inimigo natural do psilídio), controle biológico e erradicação de plantas infectadas.

ATIVIDADE - A Argentina é importante produtora de frutas, com a área de citros totalizando 132.346 hectares e uma produção de 3,2 milhões de toneladas no último ano. Laranjas respondem por 39,4% do total, tangerinas 18,8%, limões 36,8% e pomelos 5%.

DESTINOS - O país destina em média, 44% da safra para a produção de sucos, 41% são absorvidos no mercado interno de frutas frescas e 15% seguem para exportação. As principais regiões produtoras são Missiones, Entre Rios, Tucuman, San Pedro, Salta e Jujuy e Catamarca que somam 5,3 mil produtores, 112 unidades de packing house para processamento de frutas frescas para mercado interno e exportação e 20 plantas industriais. Mais de 100 mil trabalhadores estão envolvidos na atividade.

PALESTRANTES - A Jornada Citrícola Nacional contou com a participação de outros três palestrantes, todos locais: a engenheira agrônoma Wilda Ramirez (diretora de Sanidade Vegetal da Senasa), que abordou Estado atual do Programa de HLB e outros programas de Sanidade Vegetal; engenheiro agrónomo Juan Verliac (diretor técnico da Associação de Citricultores de Concórdia), com o tema Monitoramento urbano de cítricos; e Juan Pedro Bouvet, especialista em entomologia do INTA em Concórdia, que tratou de Monitoramento e manejo de Diaphorina citri para a Zona Citrícola do Rio Uruguai.