Notícias

Voltar

Em Cambé, Fazenda alia tradição aos negócios

31.10.2019

História é o que se percebe, logo ao chegar, na Fazenda Ipoméia, município de Cambé, visitada na manhã de terça-feira (29/10) pela equipe do Rally Cocamar de Produtividade.

São inúmeras construções que remontam aos tempos do café, entre casas de colônia, sede, clube, capela e barracões. E, claro, o sino, que desde 1954 repica em alguns horários, numa tradição mantida pelo proprietário, o engenheiro mecânico João José Rezende Paiva, de 71 anos. Segundo ele, até mesmo propriedades vizinhas se orientam pelo estridente e nostálgico badalar que ecoa da Ipoméia.

CAFÉ – A fazenda, que está desde 1951 em poder de sua família – oriunda de São Sebastião do Paraíso (MG) - já chegou a ter mais de 500 trabalhadores e viveu o seu apogeu em 1965, quando da colheita da maior de todas as safras de café.

MUDANÇA - Com o passar do tempo, o ouro verde foi perdendo lugar para as culturas mecanizadas de grãos, uma mudança que se observou em todo o norte do Paraná. Atualmente com 6 funcionários, a fazenda é produtora de soja, milho e laranja.

SOJA - São 165 alqueires (399 hectares) cultivados com grãos, e 20 (48 hectares) de citricultura. A soja, o carro-chefe, apresenta uma produtividade média de 150 sacas por alqueire (61,9/hectare).

FALTA CHUVA - As precipitações mal distribuídas e o calor forte têm preocupado o proprietário. No dia anterior à visita do Rally havia chovido bem na cidade, cerca de 50ml, mas na Ipoméia a média não passou de 2ml. “Completamos o plantio e estamos aguardando pelas chuvas, tomara que venham logo”, disse.

LEVANTAMENTO - Com seus controles bem organizados, a fazenda mantém anotações dos níveis pluviométricos desde 1974. A cada chuva, os valores são registrados na média de vários pontos da propriedade. Depois de imprimir o levantamento, o produtor mostrou que 1978 foi o ano menos chuvoso em toda a série histórica, totalizando apenas 867 ml, quase a metade em comparação aos 1.515ml acumulados no ano anterior. O mais chuvoso foi 2009, quando as precipitações somaram 2.419ml (quase o triplo de 1978).

COCAMAR - A Cocamar tem tido uma participação importante nas atividades da fazenda, por meio da sua unidade local. A orientação técnica nas lavouras, por exemplo, é prestada pelo engenheiro agrônomo Gustavo Martins e a cooperativa é onde o produtor João José Rezende Paiva adquire todos os seus insumos e entrega as safras. Segundo o agrônomo, 75% das lavouras de soja se encontram semeadas no município e o desenvolvimento é normal.

CONFIANÇA - Paiva citou que a cooperativa, com seu trabalho e transparência, soube conquistar a confiança dos agricultores, inspirando-lhes segurança. “A cooperativa se tornou a nossa referência”, disse, mencionando também a qualidade do atendimento. E, segundo ele, a Cocamar se fortaleceu ainda mais, em toda a região, depois de adquirir a concessão John Deere para o norte do Paraná.

RALLY - Em seu 5º ano de realização, o Rally Cocamar de Produtividade conta com os seguintes patrocinadores: Basf, Sicredi União PR/SP, Spraytec e Zacarias Chevrolet (masters), Sancor Seguros, Cocamar TRR, Texaco Lubrificantes, Elanco e Altofós Suplemento Mineral Cocamar (institucionais) e o apoio do Cesb, Aprosoja (PR) e Unicampo.