Notícias

Voltar

Atendimento remoto cresce na concessionária

06.04.2021

Parece ficção científica, mas é o futuro chegando para os produtores ligados à Cocamar que possuem modernos maquinários John Deere.

Equacionados - Nesta safra de soja 2020/21, ora sendo finalizada, nada menos que 352 atendimentos a máquinas foram satisfatoriamente equacionados de forma remota, sem a necessidade de deslocamento de um técnico até a propriedade.

Intervenções - São 501 unidades, no total, acompanhadas por profissionais do Centro de Soluções Conectadas (CSC) da concessionária Cocamar John Deere em Maringá. Já houve, durante a colheita, 396 intervenções técnicas da equipe de suporte remoto que foram originadas de duas maneiras: a pedido do proprietário, que entrou em contato para relatar uma situação, e por meio de alertas emitidos pelos próprios equipamentos.

Expertise - O supervisor técnico de Agricultura de Precisão da concessionária, Bruno Guidi, explica que os alertas são percebidos pelos profissionais no CSC. “Em caso de um problema, podemos acionar o time técnico de campo, mas temos a expertise para solucioná-lo remotamente. E, não raro, com base nos alertas recebidos, nos antecipamos e a ação é preventiva, evitando que algo venha a ocorrer durante uma operação”, detalha.

Calibração - Guidi menciona o caso de um produtor que ligou para a empresa informando que o corte da colheitadeira estava desigual e a plataforma precisava de uma calibração. “Da própria concessionária foi possível verificar o que estava acontecendo e apresentar a solução com rapidez.”

Percentual - Segundo Guidi, a concessionária trabalha com o elevado percentual de 89% de atendimentos solucionados à distância, com total eficácia, um dos mais elevados entre as concessionárias John Deere no país.